Brigadeiro do Ar Luiz Ricardo

Brigadeiro do Ar Luiz Ricardo

O Brigadeiro do Ar Luiz Ricardo é Graduado pela Academia da Força Aérea, como piloto militar. Realizou Pós-Graduação em Gestão Empresarial pela FGV-Rio. Realizou diversos cursos acadêmicos: Desenvolvimento Gerencial – Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro; MBA Desenvolvimento Avançado de Executivos (Gestão de Processos) – Universidade Federal Fluminense; Curso de Sistema de Gerenciamento da Segurança Operacional – International Civil Aviation Organization em Montreal; MBA em Política e Estratégia – Centro Universitário de Lins; Curso de Política e Estratégia Aeroespaciais - Escola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica entre outros.

Mais de trinta anos de experiência na área da Aviação, atuando em atividades como Piloto de Ataque em Asas Rotativas e como Piloto Inspetor no Grupo Especial de Inspeção em Voo (GEIV). Durante mais de 20 anos, trabalhou no Sistema de Controle do Espaço Aéreo Brasileiro (SISCEAB), ocupando diversos cargos e comandos e, ainda, representando o Estado Brasileiro na Organização da Aviação Civil Internacional (OACI) e na União Internacional de Telecomunicações (UIT). Foi um dos responsáveis por inserir novos conceitos de Navegação Baseada em Performance (PBN) ligado ao gerenciamento de tráfego aéreo e, consequentemente, à otimização da estrutura da rede de rotas ATS (Serviços de Tráfego Aéreo) objetivando a diminuição dos efeitos prejudiciais da aviação ao meio ambiente, assim como aumento da integração do planejamento do espaço aéreo sob jurisdição do Brasil com os demais países da região da América do Sul e Caribe (CAR/SAM). Realizou parcerias internacionais para as iniciativas da implementação de aplicações de comunicações por enlace de dados (CPDLC) para os Serviços de Tráfego Aéreo no Brasil e Europa. Também, foi o Coordenador Geral da Sala Master do Controle do Espaço Aéreo nos últimos grandes eventos esportivos realizados no País.

Atualmente, é o Comandante do Centro de Aquisições Específicas (CAE) da Força Aérea, unidade militar criada em 2018, a fim de adquirir bens e serviços específicos, nas áreas de Logística, Saúde e Controle do Espaço Aéreo, necessários ao preparo e emprego da Força Aérea Brasileira.